União das Freguesias de Baixa da Banheira e Vale da Amoreira
Pesquisar
Freguesia
Junta de Freguesia
Assembleia de Freguesia
Newsletters
Início > Movimento Associativo

Sociedade Recreativa e Cultural União Alentejana

O primeiro livro com registo de sócios tem data de 1961. Tinha nascido, assim, a Sociedade Recreativa e Cultural União Alentejana, como desde a sua fundação foi designada.
O Grupo Coral, cujos elementos e fundadores virão a dispersar-se pelas tarefas directivas da nova associação, vem a ter curta existência, vindo desagregar-se a curto prazo. Por actas da Direcção, sabe-se que já não existia no ano de 1963. A colectividade vai estar sem Grupo cerca de 20 anos.

É em 1981, já muito depois do 25 de Abril que, no decorrer da I SEMANA CULTURAL ALENTEJANA que por sugestão do então Presidente da Câmara Municipal da Moita, José António Apolónia, se vem a dinamizar junto dos associados a criação de um novo grupo coral de canto tradicional alentejano, que vem a ser criado em 10.06.1982.

Realizou com a Câmara um protocolo de valorização artística para o Grupo Coral de Cantares Alentejanos, tendo actuado várias vezes no exterior e é hoje um dos mais cotados agrupamentos corais de tantos quantos existem fora do Alentejo, actuando em quase todo o país e até no estrangeiro. Das suas actividades, a que merece mais relevo e que muito tem erigido a União Alentejana e dignificado a Baixa da Banheira, é sem duvida a denominada Semana Cultural Alentejana, manifestação recreativa e cultural que promove anualmente desde 1981, louvável empreendimento que proporciona a esta vila uma das maiores manifestações de folclore alentejano realizadas nesta região, reunindo das mais gradas figuras alentejanas nas artes e letras, inclusive no mundo do teatro como Eunice Munoz, Manuel da Fonseca, Eduardo Olímpio e tantos outros.

Notáveis alentejanos que por aqui passaram aquando da Semana da Semana Alentejana que acompanham o programa e o desfile do cortejo etnográfico nas ruas da Baixa da Banheira, verdadeira expressão do povo alentejano. Os apoios são diversos, desde a Casa do Alentejo a câmaras municipais do Alentejo, Junta local e Câmara Municipal da Moita.

Para além dessa grande actividade, os “Alentejanos” têm promovido trabalho intenso no campo cultural com a organização de vários espectáculos de teatro e muitas exposições de artesanato, artes plásticas e fotografias, excursões, colóquios, saraus musicais, promovendo a apresentação pública de livros de escritores alentejanos além dos tradicionais bailes. As suas iniciativas vão desde a manutenção dos espaços de convívio e festas abertas aos sócios (é a única colectividade local que mantém vivo de actividades, a sua esplanada ao ar livre – única que localmente sobreviveu até hoje – com os tradicionais bailes de mastros, jogos populares, malha corrida e de banco e a promoção de festas e encontros corais alentejanos e outros – como as comemorações do 25 de Abril) verdadeira praça pública de convívio entre os sócios e população.

SRCUA - Anterior | SRCUA - Continuação | Voltar ao Menu
Printer Friendly Page Send this Story to a Friend


Agenda
Dezembro 2020
S T Q Q S S D
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31      
Divulgação